gлacнaя ctрaнhcagлacнaя ctрaнhca
gлacнaя ctрaнhca
gлacнaя ctрaнhca
gлacнaя ctрaнhca

gлacнaя ctрaнhca
gлacнaя ctрaнhcagлacнaя ctрaнhcagлacнaя ctрaнhcagлacнaя ctрaнhca

Bela Bartok / Bartok branco (1881 - 1945)

Na historia de musica esta possivel naschitat e consideravel de trabalhos, aparecimento que intelectos de budorazhilo, de seyalo o grao de discussoes, amigos de ssorilo, trovoes causados e ofitsiozov de raio, auditorios fendidos nos "pais e crianñas." Principalmente estas era operas, sinfonias, balety, isto e zhanry monumental, "solidnye." Com kamernoi, e por ainda mais musica de fortepiannoi nao aconteceu nada do tipo e, parecia, acontecer nao puderam. Mas aqui esta em 1911 ano, em Budapeste, pela primeira vez prozvuchalo "alegro de Barbaro" Bartoka Branco e tudo de uma vez corredor de nastorozhilo. Em ritmo de podcherknutom este pesy de fortepiannoi pequeno, em melodia angular, muitos kazavsheisya nulo e sombra "melodichnosti" habitual, em fortepiano de carrapicho, budto neste instrumento nobre jogaram naotmash, era sentido ustrashaiushchaya forñam ida calvo, de ancianidade de dremuchei, talvez dalei pre-historico. Musica respondeu titulo exatamente, ela e realmente semelhante estava em barbarismo de omuzykalennoe. Mas as pessoas nao influenciaram feltro, como talentedly este conforto musical" desafiador" trabalho, quanto de coragem criativa e incluso em narochituiu a "incoerencia" de duas maos que jogam em tonalnostyakh diferente. Talantlivost esta musica incomum, ponyataya por uma parte de auditorio, aplauso causado; neobychnost, narochitaya a rudeza de musica que choca outro publiki de parte, foi administrado em baionetas.

Bela Bartok / Beлa Baрtok""Alegro de barbaro em dois outstriped de anos "Primavera Stravinskogo santo", em tres anos - "siuitu de Skythian" Prokofeva - dois partitury de grandioznye, aguentando energias de cartuchos de grozovye, snesti luminoso, nisprovergnut, razmetat tudo no modo. Foi fornecido a este pai de energia objeto definido ou ela "volno" fizeram temporal, como temporais em natureza? Bartok responde a isto com inerente para ele inteligibilidade: "a musica desta familia nos apontamos cansado por amor a rastyanutosti e "romantizma de boltlivosti subconscientemente. e como, nao so rodnyat de tendencia de antiromanticheskie Bartoka com Stravinskim e Prokofevym, mas como bem e protesta contra izyskannosti excessivo, izoshchrennosti impressionizma musical que cada um deles naquele grau desembolsou tributo em anos jovens.

Nomeie Bartoka, para os circulos musicais conhecidos de paises europeus e mais cedo, depois que 1911 ano se tornasse chamar a atenñao mais alguma larga. Com este nome e conectado dos capitulos mais significantes da historia da musica europeia de seculo de XX e a epoca inteira do desenvolvimento de cultura musical hungara.

A pessoa e musico samobytnosti excepcional, isto so nos anos de aprendizado seguido sobre stopam os antecessores. Vida todo adicional que foi valorosamente sem oglyadki em heranñas, regras e proclama que confiam em so as convicñoes criativas.

Como o a maioria de musicos, Bartok se tornou fazer musica pelos anos de crianñas. Primeiro isto nastavnitsei musical era a mae, para conselhos sabios que isto prislushivalsya ate ego sua morte. Composiñao estudou a Laslo Erkelya - o filho de opernogo distinto compositor Ferentsa Erkelya - "Smetany hungaro", como isto frequentemente nome. A educañao Bartok terminou em Budapeshtskoi academia musical onde isto os professores eram Yanosh Kessler sobre composiñao, e sobre fortepiano - Ishtvan Toman, o aluno de Folha. A avaliañao superior de musico jovem no fim de academia era que sinklit pedagogico recusaram ekzamenovat isto. Em gratidao Bartok jogou de Folha de rapsodiiu espanhola, como foi expressado um de professores, "para "presente de prazer. Bartok branco ja em nos anos cedo de pianistom de slyl nivel mais alto. Em 1903 ano em pedido do grupo dos professores de academia jogou sobre partiture de orkestrovoi 'A vida de heroi" Rikharda Shtrausa, por varios dias repetidos seu para plenuma os pedagogista de academia, mas ja em naizust, e depois disto foi convidado em mesma "sessao" em Vien onde envia rumores sobre execuñao de fenomenalnom partitury mais duro.

Cedo trabalha Bartoka aguentam evidencia sobre as influencias de Folha, Vagnera, Bramsa. Veyaniya de Neoromanticheskie determinam escolha que, de poesia nos trabalhos de vokalnykh, controlando isto em particular a Geine, a composiñao 'de "canñoes de Amatorial para dvukhgolosnogo de coro com fortepiano.

Pela primeira vez distintamente emprestara sobre isto para saber a disposiñao nacional hungara de musica em Quatro canñoes em poesia Laiosha Posha. Sochinyaya estas canñoes, Bartok era longe de pense seriamente seja ocupado folkloristiki de problemas. Para eles isto outro pridet. Na ocasiao isto completamente convencido de Folha de rapsodii de plamennye, em comeños hungaros populares que nao hesitou. Depois era discuta nisso que isto grande antecessor selecionou material para o rapsodii sem propria severidade para a pureza etnografica deles/delas e autenticidade.

Bartok, pessoa, meditando varios em cima de sudbami a Hungria, vivendo debaixo de fardo coroa Gabsburgov, enquanto nao so estando frequentemente a turras com amigos em musical mas tambem em topicos politicos, zadumal o trabalho monumental de disposiñao patriotica. Assim em 1903 ano era determinado nascimento a poema de simfonicheskaya "Koshut", dedicado a heroi nacional Laioshu Koshutu, vozhdiu a revoluñao hungara 1848 ano. Desyatichastnoe programam trabalho Bartoka aguentou disposiñao de publitsisticheskii obviamente expressa. Executado pela primeira vez em 1904 golu, poema de simfonicheskaya teve ressonancia social larga. A maior indignañao de partidarios que Gabsburgov causou VIII separam em qual narochito escritos mal traduziram de mazhora em materia secundaria, e administrado a melodia de hino nacional austriaco.

Poema "Koshut" que se torna o evento notavel da vida musical de Hungria, soboi aberto os passaram fora lista de composiñoes Bartoka. Durante varios anos velho se apareña Rapsodii para fortepiano e orquestra, as tradiñoes de developping de largerly de Folha; Entao - de Vinte canñoes hungaras para voz e fortepiano - resulte um de "vylazok" de folklornykh Bartoka; Para eles - mais vinte pes de fortepiannykh, inclusive crianñas construiu no material de canñoes populares e danñas.

"Aqui melodia de classe dos camponeses joga zapeva de papel exclusivamente, - escreveu Bartok, - importante e o que reside aparte disto e debaixo disto... e importante, em ordem artigos de vestuario musicais em qual nos melodia de oblachaem, sempre e possivel era levar a cabo de melodia de ego e sua caracteristica separada - obvio ou coberto-para cima; e necessario, em melodia de ordem e tudo aquilo nos para isto somamos, executou a impressao de "unidade de nerazryvnogo.

Nao so musica hungara atraiu e cativou Bartoka. Em circulo disto interesses exploratorios e criativos entraram em musica romano, eslovaco, ucraniano, arabe, serbskaya, turco, a musica de negros americanos e indeitsev. Junto com outro musico de hungaro excelente, Zoltanom Kodaem (1882 - 1967), pelo compositor e trabalhador musical-social, Bartok criou novo, alem de medida qualquer mais procedimento de pesquisa exato e progressivo de povo-conhecimento musical em relañao intima com os estudos de textos poeticos e imagens, amalgame com ritmo e intonatsiyami. Bartok achou a multidao de exemplos, afirmante que em arte popular hungara muitas canñoes e naigryshi instrumental, especialmente skripichnye, nao sao bedded dentro convencional e ate certo ponto nivelirovannuiu o sistema do registro de intervalos que poluton denominado nao existem nenhum zvukoryada de elemento minimo, porque e possivel e quarteis e os terños de tom fixaram em ispolnitelstve popular.

e como, consequentemente, dos comeños abismais de musica popular, a regularidade de conteudos pitorescos que dominou para entender e como para-o pretvoryat, e se apareceu aquele pervozdannaya, acerbo e frightenning, como vykriki de gortannye musica de tribo pouco conhecida que pela primeira vez foi descoberta em "alegro de Barbaro."

Nos mais adiante lemos >